Make your own free website on Tripod.com

Racionais mc's

Os Racionais MC'S surgiram em 1988 na coletânea "Consciência Black" (primeiro disco do selo Zimbabwe), com os sucessos Pânico na Zona Sul e Tempos Difíceis. Formado por Ice Blue, Mano Brown, Edi Rock e Kl Jay, respectivamente Zona Sul e Zona Norte, impressionaram de cara com a realidade de suas letras nas quais narram a dura vida de quem é negro e pobre, denunciando o racismo e o sistema capitalista opressor que patrocina a miséria que está automaticamente ligada com a violência e o crime. Em 1990 lançaram seu primeiro LP "Holocausto Urbano" (também pela Zimbabwe), e que aos poucos foi conquistando seus ouvintes. Nos anos de 90 e 91 trabalharam com shows por toda grande São Paulo, interior do Estado e receberam prêmios como os de melhor conjunto de Rap do ano e conjunto revelação; também fizeram 2 shows na FEBEM e tiveram participação especial no show de Public Enemy no Ginásio do Ibirapuera. Em 1992, deram um importante passo ao fazerem palestras à alunos e professores em escolas públicas num projeto criado pela Secretaria da Educação intitulado "ARAPensando a Educação" no qual se discutiu: Violência Policial, Racismo, Miséria, Tráfico de drogas, Mortes violentas; enfim, o cotidiano periférico. O Projeto repercutiu em jornais, televisão e principalmente nas comunidades em que as palestras aconteceram, e com certeza, mudou a perspectiva de vida de um considerável número de pessoas. No final deste mesmo ano lançaram o 2o disco (desta vez um disco mix), intitulado "Escolha o seu Caminho" com as poderosas faixas "Voz Ativa" e "Negro Limitado", que fortificaram ainda mais a proposta do grupo. Neste mesmo período, foram a atração principal no Concerto de Rap que houve no Vale do Anhangabaú (Rap no Vale). Em 93 foram atração no Teatro das Nações com o Projeto "Música Negra em Ação", que contou com a realização e participação de importantes nomes como: Toninho Crespo e Thaíde e Dj Hum. Participação em shows filantrópicos em ajuda à doentes de AIDS e Campanhas do Agasalho e Contra a Fome realizadas em Quadras de Escolas de Samba e Ginásios de Esportes. Foram um dos organizadores na passeata feita por jovens negros em protesto à data 13 de maio (Libertação dos Escravos). Participaram de pedágios ao ar livre promovidos pela rádio 105 FM em praças e locais públicos. Mas a concretização do sucesso total veio no final de 93 com o lançamento do Poderoso - 3o disco - LP "Raio X Brasil", que teve festa de lançamento na Quadra da Rosa de Ouro com mais de 10.000 pessoas e parte do show foi feito com banda ao vivo. Daí pra frente, a metralhadora não parou de disparar as músicas "Fim de Semana no Parque" e "Homem na Estrada", são hinos nos bailes e clássicos em várias rádios FM. Pessoas de todas as classes sociais ouvem e admiram o trabalho, mas a postura racional prevalece no pensamento de cada integrante. "Nosso verdadeiro público está na periferia, eles nos colocaram no topo, eles é que precisam ouvir o que temos a dizer, não vamos abandoná-los."

Discografia

Holocausto urbano - 1990
Escolha o seu caminho - 1992
Raio x Brasil - 1993
B.O - Coletânea - 1994
Sobrevivendo no inferno - 1995
Racionais - ao vivo